Sinopse:

Doce Pássaro da Ilusão
Com prefácio de Lygia Fagundes Teles e ilustrações de Tarzio Tomei, Doce Pássaro da Ilusão é um livro que já nasce forte.
Em 1983, o jornalista Zedu Lima entrevistou o escritor Ignácio de Loyola Brandão para o jornal O Extrato, informativo do extinto Banco Noroeste, do qual era editor. O tema da reportagem era a recém viagem de Loyola Brandão à Alemanha, onde participou de uma imersão literária, que resultou no livro "O verde violentou o muro".
Ao ler "Na Medida Certa da Boa Educação", publicado em 2010, Loyola Brandão enviou o seguinte comentário ao Zedu, autor do livro junto com Jerson Dotti: "Bom de ler, necessário, divertido, irônico, atual." E para o livro de crônicas "40 viagens e um roteiro" (2013), teve a generosidade de escrever o prefácio, em que diz: "Zedu não precisa de apresentações, os textos dele se aninham no colo da gente, como gatos que ronronam. Mesmo quando ele é cruel, trágico, irônico. Aqui está um escritor pronto, abrindo caminho. Vamos acompanhá-lo."
Compre o seu na pré-venda por apenas R$27,50 e receba o seu exemplar autografado com um marcador especial.





Zedu Lima é Jornalista, teatrólogo, roteirista e escritor.  Está em um de seus melhores momentos e que pode ser percebido nesta obra, Doce Pássaro da Ilusão. Mesmo sendo textos antigos, a qualidade editorial e estilo quase não foram mexidos no livro, mantendo a essência do autor.

 Zedu tem na bagagem a publicação de oito livros, nas versões impressa e digital: Curiosidades Paulistanas, numa produção do São Paulo Convention & Visitors Bureau, dentro do programa Visite São Paulo, pelo qual foi responsável pela pesquisa, edição e redação do livro São Paulo Convention & Vistors Bureau 25 Anos, em comemoração às bodas de prata da entidade, em 2008 e pelo excelente trabalho, foi convidado novamente para a edição dos 30 anos.

 Coordenou e redigiu o livro Sindetur SP – 50 Anos de Turismo, produzido pelo Sindicato das Empresas de Turismo no Estado de São Paulo (Sindetur-SP).

 Em co-autoria com o amigo e também escritor Jerson Dotti, publicou "Na medida Certa da Boa Educação", "40 Viagens e um roteiro" além de "Sonhos em Fuga".

 Ainda editou a revista "Turismo em Números". Foi repórter-redator da Folha de S. Paulo e atuou como assessor de imprensa na Telesp, no Ministério da Agricultura e na empresa Caterpillar.

 Autor da peça teatral "Toda Rainha Tem seus Dias de Guerra", encenada pelo grupo teatral do Telefônica Clube e por alunos do Liceu Siqueira Campos.

 Escreveu por anos artigos, crônicas, ensaios e resenhas para o informativo cultural "O Avesso", em Ourinhos, SP, até o término deste. Também atuou como palestrante comportamental.